Sinter-HIP

//Sinter-HIP

Sinter-HIP

Uma técnica que tem crescido muito na indústria do metal duro, o    Sinter-HIP consiste em  sinterizar o metal duro em vácuo ou Hidrogênio e, ao atingir a temperatura de sinterização injetar  gás inerte  (Argônio) efetuando pressões na ordem de 100 kgf/cm². As pressões desse método são cerca de 10 a 15 vezes menores que no HIP comum. O fato de as pressões utilizadas serem bem menores, juntando-se que as temperaturas envolvidas são maiores (o que por si só já causa elevação de pressões) faz com que as quantidades de Argônio necessárias sejam relativamente bem menores àquelas do HIP comum. Assim, o gás não é reaproveitado no Sinter-HIP e, sim jogado à atmosfera. Logo, todo gás utilizado no Sinter-HIP  é “virgem”, não arrastando consigo resíduos da última carga, nem aqueles provenientes de escapes que possam ocorrer durante o ciclo de reaproveitamento. Em resumo, o Sinter-HIP proporciona um material livre de contaminações.

As propriedades melhoram

By | 2018-04-05T09:57:39+00:00 Abril 16th, 2018|Categories: Sem categoria|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment